Envio por e-mail

Sabe mais sobre o que podes fazer para te certificares de que os e-mails do Workplace são recebidos em segurança. Acede ao Centro de Recursos do Cliente para obteres mais informações sobre o envio por e-mail.

Domínios de e-mail
Os e-mails enviados pelo Workplace terão origem no domínio fbworkmail.com.
O teu administrador de e-mail tem de adicionar o domínio fbworkmail.com como remetente seguro ao teu anfitrião de e-mail, caso contrário as pessoas da tua organização não vão receber e-mails de reclamação da conta e não vão poder aderir à tua comunidade do Workplace.
Servidores de e-mail
O teu administrador de e-mail tem de colocar os seguintes endereços IP de servidores de origem de e-mail na lista de permissões para garantir que a tua organização não rejeita e-mails do Workplace:
66.220.144.128/25 (66.220.144.128 – 66.220.144.254)
66.220.155.128/25 (66.220.155.128 – 66.220.155.254)
69.171.232.128/25 (69.171.232.128 – 69.171.232.254)
69.63.178.128/25 (69.63.178.128 – 69.63.178.254)
69.63.184.0/25 (69.63.184.0 – 69.63.184.126)
Verificar a origem de e-mail
Para provar que os e-mails provenientes do domínio fbworkmail.com têm realmente origem no Facebook, o Workplace utiliza a tecnologia padrão da indústria DomainKeys Identified Mail (DKIM).
O teu administrador de e-mail deve configurar o teu anfitrião de e-mail para verificar o registo DKIM de todos os e-mails do Workplace, para garantir que não aceitas e-mails falsificados.
Esta informação foi útil?
Para evitares que os e-mails do Workplace fiquem perdidos no correio secundário do Microsoft Outlook, utiliza o commandlet do PowerShell do Exchange Online para criares duas regras de transporte:
  • New-TransportRule -Name "E-mails do Workplace ignoram a Caixa de Entrada Destaques" -SenderDomainIs "fbworkmail.com" -SetHeaderName "X-MS-Exchange-Organization-BypassFocusedInbox" -SetHeaderValue "true" -Comments "Os e-mails do Workplace vão para a Caixa de Entrada ou Caixa de Entrada Destaques e não para o Correio Secundário ou pasta Outros no Exchange Online"
  • New-TransportRule -Name "E-mails do Workplace ignoram o Correio Secundário" -SenderDomainIs "fbworkmail.com" -SetHeaderName "X-MS-Exchange-Organization-BypassClutter" -SetHeaderValue "true" -Comments "Os e-mails do Workplace vão para a Caixa de Entrada ou Caixa de Entrada Destaques e não para a vista Outros no Exchange Online"
Esta informação foi útil?
Com o Microsoft Exchange, podes adicionar o domínio de e-mail do Workplace à lista de permissões através do cmdlet Set-MailboxJunkEmailConfiguration.
Esta informação foi útil?
Ainda que o teu anfitrião de correio aceite e-mails do Workplace, é possível que os clientes de e-mail, como o Microsoft Outlook, marquem um e-mail como spam ou lixo. Nesse caso específico, tens de verificar as pastas de spam ou lixo para localizar o e-mail. Se possível, o teu administrador de e-mail deve garantir que os clientes de e-mail adicionam o domínio fbworkmail.com à respetiva lista de remetentes seguros.
Sugerimos que trabalhes em conjunto com o teu administrador de e-mail para adicionares o domínio fbworkmail.com a uma lista de remetentes seguros no cliente de e-mail da tua organização.
Esta informação foi útil?
Quando adicionas um domínio de e-mail à lista de permissões no Workplace, estás a provar que tens acesso ao e-mail que pretendes utilizar e permites que as pessoas com o mesmo domínio de e-mail possam aderir ao teu Workplace. As pessoas com o mesmo domínio de e-mail não têm de aderir ao mesmo Workplace e podem configurar ou aderir a diferentes Workplace com o mesmo domínio. Isto pode ser utilizado quando não tens a propriedade de todo o domínio.
Também podes aderir a vários Workplace com o mesmo domínio de e-mail. Não existe limite no número de instâncias do Workplace que um domínio de e-mail ou empresa pode ter.
Esta informação foi útil?
Vais ter de ajustar corretamente a tua configuração do DKIM e SPF para garantir que os servidores de correio conseguem verificar que foste tu a enviar os e-mails.
O Workplace exige que todas as respostas por e-mail sejam enviadas com um alinhamento DKIM (DomainKeys Identified Mail) ou SPF (Sender Policy Framework). Estes padrões de segurança em e-mails do setor ajudam a verificar os detalhes dos remetentes, protegendo os funcionários de e-mails falsos. Os e-mails que falharem estas verificações são frequentemente tratados como se fossem spam.
Para configurar o DKIM e SPF, contacta o teu administrador de TI com as informações abaixo:
A configuração do DKIM e SPF depende do teu servidor de e-mail e do fornecedor de DNS do teu domínio. Tens de ter um alinhamento DKIM ou SPF. Não podes ter ambos.
Para G Suite, segue este guia.
Tem em atenção que o G Suite tem como predefinição o seu próprio domínio de registo com alinhamento DKIM. Uma vez que esta ação predefinida vai falhar o alinhamento DKIM devido ao e-mail não estar assinado pelo teu domínio, mas por um domínio externo, vamos rejeitar os teus e-mails que recebermos. Por esse motivo, tens de configurar o teu próprio DKIM.
Para o Microsoft Office 365, segue este guia.
Sabe mais sobre estes padrões de segurança.
Nota: se o DKIM e SPF não estiverem configurados corretamente, o Workplace vai rejeitar as mensagens que enviares para a atividade de grupo, como publicações do grupo ou respostas a comentários. Caso isto aconteça, o remetente vai receber uma mensagem de rejeição por parte do Workplace ou de outros serviços, incluindo o Gmail.
Esta informação foi útil?